Seguidores

sexta-feira, 29 de março de 2013

Semana Santa com “demônios” soltos no aniversário de Salvador


Semana Santa com "demônios"  soltos no aniversário de Salvador

 

A Sexta Feira Santa deveria ser  muito especial e emblemática para os soteropolitanos, pelo menos nesse ano,  em tempos de Semana Santa, poderíamos até adivinhar qual seria o sentimento de um dos lugares mais católicos do Brasil.

Logo ali bem pertinho de onde moramos, podemos notar que essa época de reflexão não é a mesma, a dissolução dos lares e os valores familiares são as principais causas

dessa problemática que é conviver em sociedade.

Esse tipo de pessoa, que vem de lares desfavoráveis, torna a convivência muito difícil, enquanto uns se consternam pela época de martírio de Jesus Cristo, outros gritam, berram e tocam nas alturas músicas com teores pornográficos.

Coincidentemente a nossa cidade completa 464 anos, na mesma semana de consolidação da fé católica, contudo pouca gente lembra essa importante data, a própria cidade não costuma criar um calendário de eventos para esse dia, a única coisa que fez foi "entregar" para os munícipes o novo equipamento da Arena fonte Nova.

Os torcedores de ambas as agremiações, Bahia e Vitória,  foram animados comprar seus ingressos, muitos alegremente dormiram até na fila, festejaram e cantaram hinos de suas devidas equipes,  parecia até que o ingresso ia ser gratuito, mesmo valendo noventa reais, o pessoal foi, viu e saiu debaixo de muita pancada, spray de pimenta e bombas de gás, tudo porque ao abrirem os portões para compra de ingressos a peso de ouro, muitas pessoas não respeitaram as outras, queriam passar na frente e a confusão se instalou.

Muita gente machucada, mas mais machucada mesmo está a cidade que é maltratada e sem estrutura para nada, só faltou aparecer alguém da propaganda dizendo: -  vai pagar com aquele cartão Visa?

Num dia santo, o Senhor é esquecido, libertinagens audiofônicas são propaladas em vários lugares com  cantos  pornográficos,  hinos de louvores a times são exaltados no lugar da exaltação do grande feito de Jesus Cristo, o próprio nome da nossa cidade  é emblemático, o aniversário da cidade de São Salvador.

Vamos refletir sobre isso, bem não começaram as "festividades" e já lamentamos que o povo esteja perdido entre  falsos Deuses e trocando orações por pornografias audiofônicas,  isso certamente terão conseqüências,  é só esperar a volta do "feriadão".


 


Marcelo de Oliveira Souza
http://marceloescritor2.blogspot.com
www.poesiassemfronteiras.no.comunidades.net
face: psfronteiras

Nenhum comentário:

Postar um comentário