Seguidores

sexta-feira, 9 de novembro de 2018

Poesias sem Fronteiras na Feira da Cultura Capanema PA!







Poesias sem Fronteiras na Feira da Cultura Capanema PA!
Aconteceu essa semana a Feira Literária de Capanema PA, onde os seus valorosos escritores mostraram os seus projetos, inclusive a escritora Elza Melo, que já ganhou o terceiro lugar no Poesias sem Fronteiras e a escritora Conceição Maciel, Personalidade de Destaque Cultural, Poesias sem Fronteiras.
Nosso trabalho rendendo frutos, mostrando que a Poesia e a Literatura, não tem preço e não tem Fronteiras.
Quem desejar ser avisado do nosso próximo evento, é só enviar uma mensagem para marceloosouzasom@hotmail.com
🤔 Marcelo de Oliveira Souza, IwA
🤔 Dr. Honoris Causa em Literatura
🤔 Organizador do Concurso Literário Poesias sem Fronteiras e
      Prêmio Literário escritor Marcelo de Oliveira Souza IwA.

Mariana!

😔Mariana

A água represada
Um dia pronta
Bem tratada
Esperando ser usada.

Um rompimento
Com muito sofrimento
O minério do falecimento
Eclode em Mariana.

A menina sofrida
Toma mais um susto
Tudo fica revirado
A lama é um atentado.

Vai destruindo o mundo
Todo tipo de vida
Vira sombra e dor
Mariana sofre
E passa para frente.

O caminho maldito
Onde a lama passa
Tudo é destruído,
O povo reclama
A água se esvai.

Só fica a tristeza
De quem perdeu tudo
E a esperança do absurdo
De um dia ser reparado.

😔 Marcelo de Oliveira Souza, IwA
😔 Dr. Honóris Causa em Literatura
😔 Do blog http://marceloescritor2.blogspot.com
😔 Três anos do desastre.
Boa noite🌚

sexta-feira, 2 de novembro de 2018

Finados III


Finados III 


De mortos acabados 
A Corpos enterrados... 
Com choros desesperados 
Vieram os obsidiados 
E os azulados... 
Numa evolução 
Os mistérios, desvendados 
A roupa costurada 
Largou a alma atordoada 
Tudo modificado, 
A venda foi tirada! 
A energia renovada 
Mais um passo alcançado 
Na expiação designada 
Saindo feliz... 
Com a missão concretizada 
Esperando uma nova visita 
Instaurada. 
Não descansamos mais 
Nem voltamos atrás 
Trabalhamos mais, 
E temos a alma novamente 
Libertada! 


Marcelo de Oliveira Souza,IWA

Dia da Poesia!

🤔 Dia da Poesia!

Com tristeza ou alegria
Ela desfila de dia
De noite, nostalgia
O tempo passa...
Sinfonia...
Nossa essência...
Rimada, intercalada,
Alegre, triste, revoltada.

Tudo isso vira poesia
Não tem jeito, empatia...
A vida vira música.
Minha grande simpatia!

As linhas  navegam
Em nosso mar!
Poesias a navegar...
As linhas  também encantam
No nosso caminhar.

Cada um no seu canto
A comemorar.
Ela sai do nosso meio
Gritando sua presença,
Que é todo dia,
Mas hoje...
Encanta em demasia!

E quando chega à noite,
A lua irradia
O descanso dos mortais,
Cuja poesia ilumina,
As mentes imortais.


🤔Marcelo de Oliveira Souza, IwA
🎃 Dr. Honóris Causa em Literatura
🎃 Do blog http://marceloescritor2.blogspot.com
Boa noite🌚

sexta-feira, 26 de outubro de 2018

A Sua Verdade!



Hoje em dia, as redes virtuais são verdadeiras fontes de conhecimento, de união, contudo é um grande meio desestabilizador. 
Antes as pessoas olhavam os pássaros, as árvores, a natureza pela janela. 
Depois a natureza passou a ser espremida entre os prédios, as pessoas resolveram ver pela TV o mundo que via pela janela, até outros mundos. 
Apareceu o telefone, veio encurtar laços, contudo ajudou a aumentar o estresse, telefone não tem hora! 
Hoje temos tudo isso, porém isso tudo muitas vezes desagrega, uma vírgula fora do lugar é meteoro que pode incomodar. 
Palavras não ditas, passam a ser proferidas. 
O grande nível de estresse da vida, produz a palha e a quebra de informação produz o combustível, resultando em um grande incêndio de desentendimento. 
O ser humano é predominantemente coletivo, contudo está desaprendendo viver em coletividade, onde a sua verdade é única, a dos outros, é somente dos outros.


 🤔Marcelo de Oliveira Souza IwA
🤔 Dr. Honóris Causa em Literatura
🤔 Do blog http://marceloescritor2.blogspot.com

sexta-feira, 19 de outubro de 2018

Ilha de Bom Jesus dos Passos





Ilha de Bom Jesus dos Passos 



Bem pertinho de Salvador a setenta quilômetros, em meio a um arquipélago, destaca-se a ilha de Bom Jesus dos Passos, um recanto bucólico e maravilhoso que pouca gente conhece, contudo está bem aqui à nossa mão. 
O lugar é bem próximo da nossa capital, contudo ainda é distrito dela, recebendo a suas benfeitorias administrativas, sendo muito bem cuidada, onde apresenta-se como uma grande revelação entre os que não conhecem as nossas cercanias, contudo a natureza sempre esteve ali, esperando a nossa visitação, bem pertinho de Madre de Deus, as pessoas esquecem de dar um pulinho ali, a travessia é bem rapidinha, contudo ainda é um empecílio. 
Apesar desse entrave vale a pena conhecer esse irresistível lugar com águas mansas, um povo hospitaleiros onde todo mundo se conhece, a população é pequena e ainda não passa carro, para a felicidade e bem estar de todos, tornando-se um encanto. 
Apesar de estar um pouca afastada da grande movimentação urbana, a noite de lá é bastante movimentada, com muita gente bonita aproveitando a tranquilidade e segurança, para poder ficar até um pouco mais tarde nas ruas, o local é bem servido de casas comercias e bares onde não falta nada. 
Quem pretende ficar mais um pouco, dá para conhecer as outras ilhas como Paramana, Ilha dos Frades, até a própria Madre de Deus, sendo um ótimo passeio para o final-de-semana ou feriadão. 
Quem ainda não foi, está perdendo uma grande oportunidade, quem já foi, com certeza fica o desejo de retornar e até fixar uma moradia, tal é o encanto daquela região onde o sol é o verdadeiro pai, e a lua é a mãe que abriga com segurança todos, que têm a sensação de ter parado no tempo e na tranquilidade. 


Marcelo de Oliveira Souza,IwA 
Dr. Honoris Causa em Literatura 

sexta-feira, 12 de outubro de 2018

Dia das Crianças


Dia das Crianças



Quando recebemos o presente de sermos pais, temos que perceber  que essa jóia bruta, pode ser polida de diversas formas, com muito calor até a pedra rachar, ou mesmo deixarmos com outros joalheiros descuidados.
A criança é um serzinho que precisa de muita atenção e cuidado para que não saia da sua trilha, o ato da paternidade e maternidade, é tão complexo e importante que deve ser dividido entre o casal, onde ambos têm que entrar em sintonia para que a música saia melodiosa.
Como vivemos em uma sociedade onde a família está se dissolvendo, encontramos diversas opiniões de como se educar os seus filhos.
Os pais enquanto filhos tiveram determinada educação, muitas vezes mais rígida, esses provavelmente são os mais permissivos; outros apesar dos avós serem liberais, têm postura ainda mais liberal para com os seus filhos, existem outros que sabem dosar entre o liberal e o antiquado, infelizmente são os mais questionados, apesar de serem os corretos.
Essa miscelânea comportamental torna-se complicada até para os pais, imagine para os rebentos, contudo temos que perceber que a criança só quer mesmo ser criança, ela observa o comportamento dos amigos, dos pais e dos irmãos mais velhos entre outros , tentando copiá-los...
Como a família do século XXI é modificada por tantos fatores citados e por outros não enumerados, pois esse texto fatalmente transformar-se-ia em livro, notamos que na maioria das vezes o destino familiar é uma provação divina, que devemos fazer o melhor possível, mas o que não podemos fazer é deixar de tratar a criança como criança, como nós, ela erra muitas vezes, mas diferentemente delas, nosso erro pode se tornar fatal para quem está começando a arte de viver sobre a terra.

🤔 Marcelo de Oliveira Souza IwA
🤔 Do blog http://marceloescritor2.blogspot.com