Seguidores

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Visitando Ilhéus BA

Visitando Ilhéus

 

 

Sentada em berço esplêndido a bucólica cidade de Ilhéus colhe os louros da natureza, com grande apelo turístico, contudo quando é para o  investimento nesse grande dom natural, ela descansa na fronha do ostracismo.

O município precisa investir no seu maior potencial, reformando a sua linda e imensa orla marítima, criando opções de turismo ecológico, se existe, é para poucos, e o serviço não está sendo bem feito, pois lugares como a Lagoa Encantada, ficam escondidos de quem vai conhecer a região e dificilmente  vai saber o que o lugar tem de melhor.

As casas comerciais parecem que ainda não se acostumaram ao fluxo turístico, os turistas sempre ávidos por lembranças da cidade, se decepcionam ao ver os estabelecimentos comerciais com rígidos horários, assim como locais de refeição a quilo -  que é uma vertente brasileira - pouco explorados, até em hotéis que tem  refeição, no feriado ele fecha para o  serviço, deixando o visitante na saudade e de estômago vazio.

Assim como em muitas cidades onde os prefeitos são uma ficção científica, Ilhéus acompanha o seu drama com a falta de pagamento a funcionários  e também com os serviços, tornando a cidade com aparência lunar, cheia de buracos abertos; os banheiros em pontos mais visitados não existem, nem mesmo os donos de bares aceitam a visita ao seu sanitário, cobrando pela visita ao WC.

A natureza abunda a terra da Gabriela, mas os gestores tropeçam na vaidade em seguidas administrações, deixando a principal jóia de uma cidade turística sair pensando duas vezes se vai voltar a um lugar em que o turismo parece ser um empecilho.

 

 

Marcelo de Oliveira Souza

Salvador Bahia

 

 

2 comentários: