Seguidores

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Será o fim dos seus processos judiciais?

Contador de visitas



Será o fim dos seus processos judiciais?

Todos nós sabemos como a educação nesse Brasil anda claudicando, tantos projetos e oportunidades, para no final o aluno sair ainda despreparado para a sua vida útil.
Depois do ensino médio  as pessoas ingressam na faculdade, nos idos de antigamente quando o vestibular realmente selecionavam os candidatos, eles  tinham que  se preparar muito, obter uma bagagem para ingressar na faculdade, foi a época de ouro para os cursinhos de pré-vestibular, eles eram praticamente o primeiro portal para a universidade, muitos alunos, principalmente aqueles advindo de escola pública utilizavam esse meio para se equipararem ao ensino particular, onde muitos deles já forneciam terceiro ano do ensino médio com pré-vestibular.
Isso foi antigamente,  nesse nosso início de século, as pessoas encontram em tese mais facilidades, é faculdade em tudo quanto é canto, tem faculdade que o vestibular é no final de semana, com inscrição feita paga por quilo de feijão, na segunda feira a pessoa está aprovada no curso de Direito; outra o vestibular é o ano inteiro; outra você se inscreve pela internet e marca a sua “seleção” para quando quiser; outra tem curso pela Internet;  outras só Deus sabe qual mais facilidade seria...
Assim nossos profissionais vão se degenerando, professores sem qualificação, profissionais sem licenciatura, passam a ser professores; médicos que têm medo de receitar, muitos precisam de programas de computador para digitar os sintomas e o doutor CPU receita o remédio, imprime e só falta assinar pelo médico.
Agora  resolveram “atacar” os advogados, ou melhor o exame de ordem da OAB, dizendo que pouca gente passa, ora, isso já acontece em diversas profissões, aboliram praticamente o vestibular, as faculdades se multiplicam mais que formigas, resultando numa queda na qualidade dos profissionais. O órgão representativo dos advogados, que tem esse controle há cerca de quarenta e cinco anos, enfrenta pressão para abolir o exame,  já pensou como seria para ganhar aquele processo de anos que se arrasta pela justiça com um advogado formado nos porões da padaria?


Marcelo de Oliveira Souza

Nenhum comentário:

Postar um comentário