Seguidores

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Dezesseis anos de Violência

Dezesseis anos de Violência

 

 

Quando as pessoas falam que o Apocalipse está chegando, muitos incrédulos torcem o bico, pensam que pertencemos a alguma religião.

Entretanto há muitos casos que a bíblia antevê comportamentos que não podemos aceitar,  como o caso de filhos baterem em pais e mães, roubarem seus genitores, humilhá-los e até os comerem.

Isso mesmo, lá no Rio de Janeiro, na Baixada Santista, um adolescente de dezesseis anos atacou sua mãe de trinta anos de idade, arrancou o seu olho e o comeu.

Assim o nosso mundo está se destruindo, as pessoas não respeitam mais a idade das outras,  muitos trabalham e ainda estão sujeitos a essas violências escabrosas. Como aconteceu essa semana em Salvador, onde um professor de quase setenta anos de idade, que já deveria estar aposentado, foi agredido por um aluno de dezesseis anos, por ter sido chamado atenção, levando muitos socos na saída do colégio.

Muitos menores de idade, hoje,  são os verdadeiros algozes da sociedade, ao invés de considerar  o próximo, eles fazem justamente o contrário. São mães perdendo vida, irmão ferindo irmão de sangue, familiares perdendo partes do corpo, profissionais agredidos, muitas vezes por motivos fúteis.

Tudo isso é por causa da dissolução  da família, pois quem não respeita pai e mãe, não vai respeitar ninguém e não podemos ficar reféns de pessoas desse tipo, uns defendem a escola ao invés da punição de reclusão, mas o professores também estão "caindo no pau".

Será que não passou da hora de revermos a nossa legislação e tratarmos com mais seriedade essa violência, será que não devemos reduzir a maior idade penal, antes que mais pessoas sejam fatalmente agredidas?

 

 

Marcelo de Oliveira Souza



Marcelo de Oliveira Souza
http://marceloescritor2.blogspot.com
www.poesiassemfronteiras.no.comunidades.net

Nenhum comentário:

Postar um comentário