Seguidores

quinta-feira, 24 de maio de 2012

O Quarto Poder

O Quarto Poder

 

 

Nesses tempos modernos de democracia, um outro poder que veio pujante é a imprensa, os verdadeiros olhos da população, cuja sociedade aprendeu a valorizar, respeitar e até pedir por ajuda.

Muitos problemas sociais a imprensa resolve exercendo o seu valoroso  papel de divulgar, investigar e até cutucar os poderosos.

A nossa democracia de fachada, vem se adaptando e ao contrário da ditadura que persegue os poderes da liberdade, os políticos assumem os maiores desmandos, como o brasileiro tem memória curta, um dia sai na imprensa sobre o político corrupto, chegando até a ser expurgado no meio dos mal feitores do planalto central; mas demora um tempinho eles voltam com toda pompa de salvador da pátria.

A imprensa acostumou-se a ter um papel fundamental na nossa "democracia", mas aos poucos esse mesmo órgão poderoso, ultrapassa o limite da investigação dos fatos e passa a ser delegado, interrogando no ar suspeitos, fazendo chacota com o suposto bandido; outras vezes toma a clava da justiça para julgar e disseminar sua opinião sobre determinado assunto.

Nessa semana, um conceituado jornalista, recebeu o governador do estado para tratar da greve dos professores, cedeu quase o programa todo para a sua excelência, contudo quando recebeu o sindicato dos professores, tratou todos os profissionais de educação com desdém, chegando até a dizer que estava de "sacanagem". O representante do sindicato foi praticamente amordaçado, não podendo expressar nenhum pensamento.

A liberdade da democracia é assim mesmo, as pessoas são obrigadas a votar em quem não quer, a imprensa opina com a clava forte do seu novo poder e quem quiser se arvore a pensar o contrário, que no outro dia os donos da verdade soltam o verbo, ou melhor abanam o cartão vermelho!

 

 

Marcelo de Oliveira Souza

 

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Cidade Destruída - Foto do Parque Solar Boa Vista que Virou estacionamento


Cidade Destruída

 

 

Não é de hoje que é comentado sobre os maus tratos que a cidade de Salvador vem sofrendo, buracos crescem a cada dia, praças abandonadas e tudo referente ao poder público vão se destruindo.

O metrô que rende críticas a mais de metro, não termina nunca, o sistema de transportes claudica em meio a um trânsito caótico, cheio de engarrafamentos e de motoristas sem preparo principalmente psicológico.

A cidade de Salvador tornou-se um cartão postal devido à sua importância, mas esse trabalho de décadas pode ruir.

A nossa querida metrópole maltrata os seus cidadãos, os poucos parques públicos que ficam nos bairros, como o falecido Solar Boa Vista, vão se transformando em tudo que não presta; mostrando o tradicional desrespeito ao cidadão.

Entra governo e sai governo e quase nada muda, mesmo a valorosa imprensa cobrando diariamente.

O que vemos mesmo  de mudança é a ampliação da Secretaria dos Nababos da Educação, muito cabide de emprego, no início era somente no casarão de Castro Alves, como o "negócio" foi melhorando transferiram parte do "cabidário"  para  um casarão no centro da falecida praça, agora o "negócio" está tão bom, que tem mais um anexo no antigo colégio Jean Piaget.

As propagandas eleitorais do TRE começaram, antes chamavam o cidadão   de "patrão" agora nos chamam de "guerreiros" mas quando o pleito vergonhoso acaba, voltamos a gritar e gritar, mas ninguém nos ouve.

 

 

Marcelo de Oliveira Souza

Meus blogs: http://marceloescritor.blig.ig.com.br          Concurso de Poesias: www.poesiassemfronteiras.no.comunidades.net
                 http://marceloescritor2.blogspot.com
 Livro do autor  Confissões Poéticas já à venda no site: http://24.233.183.33/cont/login/Index_Piloto.jsp?ID=bv24x7br
Valores: R$ 7,59 Virtual Impresso: R$ 25,32 Com o autor: R$ 20,00

terça-feira, 15 de maio de 2012

A Verdade está lá fora!

A Verdade está lá fora!


A Verdade está lá fora!


Desde os primórdios da humanidade, a nossa espécie humana tem interesse por descobertas, até como um ato de sobrevivência.
Quando o centro do mundo foi o continente europeu, os grandes navegadores saíram pelo mundo afora com pequenas caravelas de madeira e instrumentos rudimentares como o astrolábio para engendrar nos sete mares.
O tempo passou, nossa sociedade mudou em diversos sentidos, mas aquela sede de descoberta aumenta cada vez mais, até por necessidade, pois no futuro ninguém sabe o que pode acontecer com o nosso planeta, quem garante que o planeta Terra possa existir para sempre?  
Com a sanha pelo consumo, onde as pessoas destroem o planeta rapidamente, ocasionando degelo de calotas polares, desmatamento, sem falar nas “esperadas” tragédias naturais como a expansão do sol, colisão com meteoros e coisas que a gente nem imagina, como até uma invasão extraterrestre,  certamente tem gente lá nas grandes esferas do poder que já está estudando sobre isso há muito tempo.
Essa questão de existência de vida fora do planeta é muito controversa, contudo temos que ter a nossa mente aberta, preparada para todas as hipóteses, isso é pensar cientificamente, será que Deus deu o dom do pensamento e criatividade somente para a raça humana,  tão arrogante e imperfeita? Dentre inúmeros planetas existentes, será que somente o nosso é o premiado com civilização?  Aqui mesmo na Terra temos diversos ambientes, muitos improváveis para vida como conhecemos, mas existindo formas variadas de vida.
Será que podemos dizer que só nós podemos ter um planeta habitável? Será que tudo isso não é de interesse de um pequeno grupo de pessoas, para que a sociedade não entre em colapso?
Você ainda pensa que num futuro ou até no presente, se acontecer algum desastre de proporções mundiais a raça humana terminaria por completo como aconteceu com os dinossauros? Claro que não, como todo povo inteligente, muita gente vai sair do planeta na hora da destruição, já pensou se todos soubessem que existe uma saída de emergência? Garanto que até quem está lendo esse texto e principalmente escrevendo ia tratar de encontrar e principalmente levar seus entes queridos, mesmo que desejássemos deixar muitos desafetos em meio ao fim do mundo.
Se não fosse assim, para que existiria  a estação espacial de pesquisas ?  Será que existe apenas para plantar feijão e outros cereais em diferentes condições? Para que o governo se esforça tanto em desmentir a presença de vida inteligente lá fora? Para que tantos experimentos e explorações espaciais, se  achássemos que nunca iríamos lá fora?
Toda essa realidade é escondida, não podemos ter a mente fechada pensando que somente o nosso mundinho violento seja o centro do universo, não podemos taxar o outro de louco ou anormal como muitos podem achar ao ler esse texto, pois é isso que nossos governantes querem, a desinformação é a principal arma em todo regime, seja ele democrático ou principalmente ditatorial, todos sabem disso.
Portanto quando verem  uma estrela no céu,  tenha a mente aberta pois  ela não poderá estar mais ali, sendo somente um reflexo da mesma, ou pense que nos céus do nosso planeta existe muita verdade que temos que desvendar.


Marcelo de Oliveira Souza




Marcelo de Oliveira Souza
Meus blogs: http://marceloescritor.blig.ig.com.br          Concurso de Poesias: www.poesiassemfronteiras.no.comunidades.net
                 http://marceloescritor2.blogspot.com
 Livro do autor  Confissões Poéticas já à venda no site: http://24.233.183.33/cont/login/Index_Piloto.jsp?ID=bv24x7br
Valores: R$ 7,59 Virtual Impresso: R$ 25,32 Com o autor: R$ 20,00

domingo, 13 de maio de 2012

São Lázaro Protetor



São Lázaro Protetor


Meu querido santo protetor
Proteja-me diante da dor
São Lázaro vencedor
Mesmo diante da morte
Guia-me e dai-me sorte.

Assim como a muleta
O ampara da vicissitude
Da vida sua vida terrena
Sejas o meu amparo,
A minha fortaleza
Na dificuldade de vida moderna.

Vencedor mesmo diante da morte
Renascido em meio a sua fé
Renove também  a minha fé diariamente
Proteja-me das escaras dos inimigos.

Do infortúnio dos desvalidos
Da forma que os cães limparam
Suas feridas,
Limpe minha mente de maus pensamentos
Projete-me sempre para frente
Divulgando as suas vitórias
Em prol de Jesus Cristo
E de sua santidade
Amém!


Marcelo de Oliveira Souza

Marcelo de Oliveira Souza
Meus blogs: http://marceloescritor.blig.ig.com.br          Concurso de Poesias: www.poesiassemfronteiras.no.comunidades.net
                 http://marceloescritor2.blogspot.com
 Livro do autor  Confissões Poéticas já à venda no site: http://24.233.183.33/cont/login/Index_Piloto.jsp?ID=bv24x7br
Valores: R$ 7,59 Virtual Impresso: R$ 25,32 Com o autor: R$ 20,00

quinta-feira, 10 de maio de 2012

Passeata de Multidões em Salvador, Bahia, BRASIL!

Passeata de Multidões

Apesar da intransigência do governo, que se diz aberto ao diálogo, apesar de não se importar com o trauma causado pela greve dos policiais e agora pela greve dos professores - preferindo viajar para Roma, enquanto o estado está à deriva - os profissionais de educação deram mais uma prova de resistência, realizando uma grande mobilização em uma das principais avenidas de Salvador.
O governo cortou o salário, cortou o credito de alimentação, mas com penelas na mão imitando o povo argentino, educadores tomam a rua, mostrando que o poderoso chefão pode tirar TUDO, menos a dignidade das pessoas.

Marcelo de Oliveira Souza


Marcelo de Oliveira Souza
Meus blogs: http://marceloescritor.blig.ig.com.br                 Concurso de Poesias: www.poesiassemfronteiras.no.comunidades.net
                     http://marceloescritor2.blogspot.com
Meu  livro Confissões Poéticas já  à venda no site: http://24.233.183.33/cont/login/Index_Piloto.jsp?ID=bv24x7br
Valores: R$ 7,59 Virtual  Impresso: R$ 25,32  Com o autor:  R$ 20,00

 


terça-feira, 8 de maio de 2012

Dia das Mães


Dia das mães 2012

 

 

 

Como todos os anos, esse dia é muito marcante para toda a nossa sociedade e como toda grande comemoração importante, essa data serve como reflexão.

Em tempos de internet e redes sociais, a velocidade da informação é instantânea, muitas mães aproveitam isso para poder se aproximar dos rebentos, mas o excesso de liberdade à criança e principalmente a adolescentes,   pode prejudicar a relação ao invés de ajudar; as mídias televisivas como novelas, muitas vezes mostram mães sendo agredidas verbalmente, achincalhadas e tudo que possa denegrir essa sublime função de ser a "maestra" do lar.

Ao chegar nesse único domingo do dia das mães, as homenagens começam desde cedo, acompanhada de inúmeras propagandas relacionadas à comemoração, tudo visando aquele velho consumismo, aquele  velho almoço comemorativo e tudo que os filhos considerem comemorar a data festiva.

A maioria dos filhos esquece de olhar a sua genitora como um ser humano que tem aspirações, cujo maior ato de amor é cuidar do bem estar da família e maior sonho simplesmente é ver os seus entes progredindo nessa difícil arte de viver.

 

Marcelo de Oliveira Souza

 



Marcelo de Oliveira Souza
Meus blogs: http://marceloescritor.blig.ig.com.br                 Concurso de Poesias: www.poesiassemfronteiras.no.comunidades.net
                     http://marceloescritor2.blogspot.com
Meu  livro Confissões Poéticas já  à venda no site: http://24.233.183.33/cont/login/Index_Piloto.jsp?ID=bv24x7br
Valores: R$ 7,59 Virtual  Impresso: R$ 25,32  Com o autor:  R$ 20,00

 


sexta-feira, 4 de maio de 2012

Perdidos na Tribo


Perdidos na Tribo

 

A nossa sociedade é plural, assim como as famílias, todo mundo tem um pensamento, um modo de agir, uma rotina.

O ser humano também tem as suas idiossincrasias, tornando maior ainda a complexidade humana, quando viajamos para uma cidade vizinha ou para um estado vizinho, principalmente aqui no nosso país de dimensões continentais, percebemos as diferenças da nossa cultura; imagine se viajássemos para um país onde somos praticamente obrigados a dormir encima de porcos e outros animais domésticos, usar excrementos de cabra como colchão, mulheres obrigadas a não tomar banho e o pior, as pessoas não conhecem o papel higiênico, usam confortavelmente a pedra no meio do caminho.

Tudo isso a gente pode acompanhar no excelente Reality Show da Bandeirantes, onde três famílias brasileiras foram enfrentar essa rotina na Etiópia, Namíbia e Indonésia, respectivamente.

Em tempos da aculturação televisiva, esse Reality-documentário, é um oásis no deserto de opções da rede televisiva brasileira.

 

 

Marcelo de Oliveira Souza

 

 



Marcelo de Oliveira Souza
Meus blogs: http://marceloescritor.blig.ig.com.br                 Concurso de Poesias: www.poesiassemfronteiras.no.comunidades.net
                     http://marceloescritor2.blogspot.com
Meu  livro Confissões Poéticas já  à venda no site: http://24.233.183.33/cont/login/Index_Piloto.jsp?ID=bv24x7br
Valores: R$ 7,59 Virtual  Impresso: R$ 25,32  Com o autor:  R$ 20,00