Ajuda na manutenção do blog: PIX: marceloescritor2@outlook.com: Para Marcelo de Oliveira Souza

Mural de Atividades CEEF





 
Exposição Premente no Colégio Edvaldo Fernandes Salvador BA








Colégio:

Data de entrega:                                Ano: 7° ano                Turma: B

Aluno(a):

Professor: 

 

 

I Atividade Avaliativa da Ia unidade: Língua Portuguesa:  valor 3,0

 

Ano Letivo 2022 


Mais um ano letivo vem chegando, os alunas e alunos vão se empolgando, cada um com o seu motivo, contudo é muito importante começarmos o ano com toda aquela energia positiva, perceber que estamos iniciando mais uma jornada e quem se esforça Deus ajuda. 
Logo ao iniciar a jornada, muitos  se preocupam com o material escolar, o mais bonito, a mochila mais impressionante, o celular da moda e tudo que possa impressionar o colega, mas temos que perceber que o colégio pode ser um meio de conhecer novas pessoas, até de se divertir. 
Imaginemos o aluno que em seu primeiro dia de aula, aparece sem material escolar, com o celular na mão e até com aparelho de som; cheios de brincadeirinhas, conversinhas, será que encontramos uma pessoa interessada? 
Quando o professor chega à sala de aula, ele observa isso tudo, percebe facilmente  quem está  comprometido e quem  não está se importando muito com o próprio futuro, pois quem pula etapas ou quem vai para escola somente para passear fingindo estudar, não está prejudicando ninguém, somente a si mesmo; o pior é que tem uns que admitem que não querem  nada, mas ficam dois turnos no colégio somente abusando colegas e professores, chegam ao ponto de ficar na porta ou até entrar numa sala de aula, mesmo que não seja a dele somente para provocar e agredir a todos que estudam e ensinam, é um grande problema a ser resolvido. 
Durante o decorrer do ano constatamos vários desvios de comportamento, “estudantes” que não respeitam os colegas, professores, funcionários e ainda tem incentivo de outros, que o acham engraçado, isso prejudica a todos. 
O importante na hora do estudo é o compromisso, as pessoas têm que perceber que aprender é bom, ajuda a crescer, mas requer compromisso com a escola, com professores e o mais importante, consigo próprio. 
Chega mais um ano com força, vamos aproveitar para crescer e traçar o nosso belo futuro, pensar bem alto, não importa que seja de escola pública ou particular, porque para o bom aluno, aquele realmente interessado e com metas, procura as oportunidades e encontra o tempo livre para se desenvolver,  toda escola é um lugar de excelso aprendizado, inclusive na morada de cada um, o importante é ter força de vontade para seguir o glorioso caminho do aprendizado, porque isso servirá para a vida inteira, muito mais do que imaginamos.


Marcelo de Oliveira Souza,iwa

2x Dr. Honoris Causa em Literatura

Do blog http://marceloescritor2.blogspot.com

 




 

 

1.      Sabendo-se que o substantivo dá o nome aos seres, pode ser encontrado depois dos artigos: o, a, os, as, um, uma, uns e umas. Retire-os , colocando-os  em cada letra abaixo, classificando-os da seguinte forma: simples, composto, comum, próprio, concreto, abstrato, coletivo.

 

a)

 

b)

 

c)

 

d)

 

e)

 

 

 

2.      Os verbos são palavras que exprimem ação, estado, fenômeno da natureza: usando como apoio o dicionário em caso de dúvida, se necessário,   retire-os do texto classificando-os quanto ao que eles exprimem, colocando-os junto as letras abaixo.

 

a)

 

b)

 

c)

 

d)

 

e)

 

 ********************



Colégio:

Data de entrega:                                Ano: 7° ano                Turma: B

Aluno(a):

Professor: 

 

 

II Atividade Avaliativa da Ia unidade: Língua Portuguesa:  valor 3,0


Qual o CPF?

Hoje o CPF, Comprovante de Pessoa Física, ficou mais importante do que a carteira de identidade, ou RG, também chamado como registro geral.

Desde quando as crianças nascem já estão de olho no CPF dela, tem bebê que já teve nome relacionado ao SPC, Serviço de Proteção ao Crédito, pois falsários abrem empresas em nome de pessoas que ainda nem nasceram, praticamente.

Agora essas letrinhas são tudo para o brasileiro, com elas o céu é o limite!

As pessoas pedem esse documento para tudo, até para olhar preço de remédio, tem atendente que solicita, foi quando fiz essa indagação:

- Se não tiver esse famigerado documento não vende?

- Por que então me pede esse negócio?

Todo lugar é assim, para cobrar eles são ótimos, inclusive quando a gente fazia compras e passasse de um determinado valor, as mercadorias não passavam se não fosse fornecido o dito cujo.

Mas o jogo mudou, eles pediam toda hora esse “comprovante” mas como o governo daqui é esperto, eles também querem receber mais com o cadastro, assim eles elaboraram um plano de vincular o CPF à nota fiscal, premiando as pessoas que fornecerem o número dele e obrigando os atendentes a emitir a nota fiscal dessa forma. Os consumidores que fizerem isso, vão para a lista de sorteios mensais com grandes valores em dinheiro como prêmio.

Só que instalou-se uma outra batalha, a de pedir a nota fiscal com esse documento vinculado, é uma verdadeira agonia, motivo para muita discussão entre atendente e consumidor, pois eles esquecem de pedir o número do cadastro e não gostam quando a gente pede depois que registra a compra, tendo que cancelar o produto, para depois fazer novamente o registro da venda.

Nós não somos obrigados a lembrar sempre desse precioso detalhe, mas eles têm que lembrar sim, é o trabalho deles.

Cada dia é uma agonia para conseguir a Nota Fiscal com o nosso cadastro e nessa luta entre o rochedo e a maré, quem ganhou mesmo foi o governo que fica assistindo a nossa luta, ainda vê o seu potinho de ouro crescer.

Marcelo de Oliveira Souza,IwA / Do Blog http://marceloescritor2.blogspot.com



Entendendo o texto e revisando.

 

1)   Você conhece alguém que já passou por uma situação parecida? Explique em duas linhas.

______________________________________________________________________________________________________________

 

2)   “Famigerado” quer dizer que tem muita fama, notável. Porque o CPF ganhou esse adjetivo?

___________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

 

3)   Qual a pretensão do governo ao criar um plano para vincular o CPF à nota fiscal?

___________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

 

4)   Quais são as pessoas que participarão da lista de sorteios mensais com grandes valores em dinheiro como prêmio?

____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

 

5)   E você, já é portador do CPF? Faz uso nos estabelecimentos onde frequenta?

______________________________________


***************************************************************************************


Colégio:

Data de entrega:                                Ano: 7° ano                Turma: B

Aluno(a):

Professor: 

 

 

III  Atividade Avaliativa da Ia unidade: Língua Portuguesa:  valor 3,0


Afinal, vale realmente lutar nessa vida? 


Desde a nossa concepção, todos nós lutamos para poder existir e coexistir no meio de outras pessoas, para quem vive no Brasil então, é um verdadeiro craque, especialista em lutas titânicas, onde a cada dia constatamos a dificuldade crescente do cidadão brasileiro envergando o prato do sofrimento para todos os cantos. Somos experientes em todas as vertentes de embate, pois vivemos numa nação onde as pessoas a cada dia perdem os seus direitos básicos, restando-nos somente nos mobilizarmos a cada dia para cada obstáculo. A nossa saúde não vai bem, educação pior ainda, andamos com medo de tudo e de todos, saímos de casa e não sabemos se voltamos... O embate é diário e muitas vezes nos perguntamos: - vale a pena lutar nessa vida? A resposta sai naturalmente, pois não estamos aqui por acaso, todos nós viemos com alguma missão e não podemos nos desmotivar com as nossas batalhas diárias, tem pessoas que possuem muito mais problemas que a gente e cumpre com a sua jornada melhor do que outras que ficam por aí se lamentando. Não existe nada melhor do que podermos ajudar outra pessoa que esteja passando por problemas maiores do que o nosso, além de mudar o foco de nossas vicissitudes, temos uma grande oportunidade de crescer como ser humano e como cidadão. O importante nessa vida, tão atribulada em todos os aspectos, é que possamos cumprir todas as nossas obrigações com dignidade, amor e principalmente respeito ao próximo sendo solidário no que você puder, pois não estamos aqui por acaso e nós não vamos deixar essa oportunidade de ser um diferencial nessa vida, para sermos um colecionador de lamentações e de fracassos. Marcelo de Oliveira Souza,iwa

2x Dr. Honoris Causa em Literatura

Do blog: http://marceloescritor2.blogspot.com

Entendimento do Texto e Revisão.

01. “Desde a nossa concepção, todos nós lutamos para poder existir e coexistir no meio de outras pessoas” Descreva em cinco linhas uma História de superação que você se orgulha.

1

2

3

4

5

02. Por que você acha que o autor diz que estamos com medo de tudo e de todos? Você concorda? Justifique a sua resposta.

03 . Sabendo-se que o advérbio é a palavra que dá circunstância ao verbo, abaixo estarão alguns deles, classifique-os de acordo com a sua circunstância: Tempo, modo, afirmação, negação, intensidade.

a) Hoje: d) Agora:

b) Sim: e) Não:

c) Certamente: f) Nunca:

03. Conjugação verbal: Pesquise o verbo ser e coloque abaixo no modo indicativo.


 



*****************************************************************************************************************************


Colégio:

Data de entrega:                                Ano: 2° /3° Ano Int                      Turma: A e B

Aluno(a):

Professor: 

 

 

I  Atividade Avaliativa da Ia unidade: Pratica Integradora:  valor 3,0

 

Ano Letivo 2022 


Mais um ano letivo vem chegando, os alunas e alunos vão se empolgando, cada um com o seu motivo, contudo é muito importante começarmos o ano com toda aquela energia positiva, perceber que estamos iniciando mais uma jornada e quem se esforça Deus ajuda. 
Logo ao iniciar a jornada, muitos  se preocupam com o material escolar, o mais bonito, a mochila mais impressionante, o celular da moda e tudo que possa impressionar o colega, mas temos que perceber que o colégio pode ser um meio de conhecer novas pessoas, até de se divertir. 
Imaginemos o aluno que em seu primeiro dia de aula, aparece sem material escolar, com o celular na mão e até com aparelho de som; cheios de brincadeirinhas, conversinhas, será que encontramos uma pessoa interessada? 
Quando o professor chega à sala de aula, ele observa isso tudo, percebe facilmente  quem está  comprometido e quem  não está se importando muito com o próprio futuro, pois quem pula etapas ou quem vai para escola somente para passear fingindo estudar, não está prejudicando ninguém, somente a si mesmo; o pior é que tem uns que admitem que não querem  nada, mas ficam dois turnos no colégio somente abusando colegas e professores, chegam ao ponto de ficar na porta ou até entrar numa sala de aula, mesmo que não seja a dele somente para provocar e agredir a todos que estudam e ensinam, é um grande problema a ser resolvido. 
Durante o decorrer do ano constatamos vários desvios de comportamento, “estudantes” que não respeitam os colegas, professores, funcionários e ainda tem incentivo de outros, que o acham engraçado, isso prejudica a todos. 
O importante na hora do estudo é o compromisso, as pessoas têm que perceber que aprender é bom, ajuda a crescer, mas requer compromisso com a escola, com professores e o mais importante, consigo próprio. 
Chega mais um ano com força, vamos aproveitar para crescer e traçar o nosso belo futuro, pensar bem alto, não importa que seja de escola pública ou particular, porque para o bom aluno, aquele realmente interessado e com metas, procura as oportunidades e encontra o tempo livre para se desenvolver,  toda escola é um lugar de excelso aprendizado, inclusive na morada de cada um, o importante é ter força de vontade para seguir o glorioso caminho do aprendizado, porque isso servirá para a vida inteira, muito mais do que imaginamos.


Marcelo de Oliveira Souza,iwa

2x Dr. Honoris Causa em Literatura

Do blog http://marceloescritor2.blogspot.com

 

 

 

01.  Saudações, apresentamos um texto de reflexão sobre o início do ano, nossa disciplina vai trabalhar  projetos literários com oficina de escrita, trabalhando pois assuntos pertinentes à Língua Portuguesa, sendo subsídio de revisão e reforço para português.

 

 

a)      Pesquisar as dez classes gramaticais na internet  para depois fazer a análise morfológica  dos dois primeiros parágrafos. Usem o dicionário como apoio que encontrarás as classes das palavras.

 

 

 

 

 


 

 

b)      Criar um texto de vinte linhas enumeradas sobre suas expectativas  para o ano letivo, se não couber abaixo, é permitido terminar na folha de trás.

 

***************************************************************************


Colégio:

Data de entrega:                                Ano: 2° /3° Ano Int                      Turma: A e B

Aluno(a):

Professor: 

 

 

II  Atividade Avaliativa da Ia unidade: Pratica Integradora:  valor 3,0

 

 

     Qual o CPF?

Hoje o CPF, Comprovante de Pessoa Física, ficou mais importante do que a carteira de identidade, ou RG, também chamado como registro geral.

Desde quando as crianças nascem já estão de olho no CPF dela, tem bebê que já teve nome relacionado ao SPC, Serviço de Proteção ao Crédito, pois falsários abrem empresas em nome de pessoas que ainda nem nasceram, praticamente.

Agora essas letrinhas são tudo para o brasileiro, com elas o céu é o limite!

As pessoas pedem esse documento para tudo, até para olhar preço de remédio, tem atendente que solicita, foi quando fiz essa indagação:

- Se não tiver esse famigerado documento não vende?

- Por que então me pede esse negócio?

Todo lugar é assim, para cobrar eles são ótimos, inclusive quando a gente fazia compras e passasse de um determinado valor, as mercadorias não passavam se não fosse fornecido o dito cujo.

Mas o jogo mudou, eles pediam toda hora esse “comprovante” mas como o governo daqui é esperto, eles também querem receber mais com o cadastro, assim eles elaboraram um plano de vincular o CPF à nota fiscal, premiando as pessoas que fornecerem o número dele e obrigando os atendentes a emitir a nota fiscal dessa forma. Os consumidores que fizerem isso, vão para a lista de sorteios mensais com grandes valores em dinheiro como prêmio.

Só que instalou-se uma outra batalha, a de pedir a nota fiscal com esse documento vinculado, é uma verdadeira agonia, motivo para muita discussão entre atendente e consumidor, pois eles esquecem de pedir o número do cadastro e não gostam quando a gente pede depois que registra a compra, tendo que cancelar o produto, para depois fazer novamente o registro da venda.

Nós não somos obrigados a lembrar sempre desse precioso detalhe, mas eles têm que lembrar sim, é o trabalho deles.

Cada dia é uma agonia para conseguir a Nota Fiscal com o nosso cadastro e nessa luta entre o rochedo e a maré, quem ganhou mesmo foi o governo que fica assistindo a nossa luta, ainda vê o seu potinho de ouro crescer.

Marcelo de Oliveira Souza,IwA / Do Blog http://marceloescritor2.blogspot.com

Entendimento do Texto

01. Você conhece alguém que já passou por uma situação parecida? Explique em duas linhas.

*

*

02. “Famigerado” quer dizer que tem muita fama, notável. Porque o CPF ganhou esse adjetivo?

 

 








 *********************************************************************

 

 

 Colégio:

Data de entrega:                                Ano: 2° /3° Ano Int                      Turma: A e B

Aluno(a):

Professor: 

 

III  Atividade Avaliativa da Ia unidade: Pratica Integradora:  valor 3,0


Afinal, vale realmente lutar nessa vida?


Desde a nossa concepção, todos nós lutamos para poder existir e coexistir no meio de outras pessoas, para quem vive no Brasil então, é um verdadeiro craque, especialista em lutas titânicas, onde a cada dia constatamos a dificuldade crescente do cidadão brasileiro envergando o prato do sofrimento para todos os cantos.
Somos experientes em todas as vertentes de embate, pois vivemos numa nação onde as pessoas a cada dia perdem os seus direitos básicos, restando-nos somente nos mobilizarmos a cada dia para cada obstáculo.
A nossa saúde não vai bem, educação pior ainda, andamos com medo de tudo e de todos, saímos de casa e não sabemos se voltamos...
O embate é diário e muitas vezes nos perguntamos: - vale a pena lutar nessa vida?
A resposta sai naturalmente, pois não estamos aqui por acaso, todos nós viemos com alguma missão e não podemos nos desmotivar com as nossas batalhas diárias, tem pessoas que possuem muito mais problemas que a gente e cumpre com a sua jornada melhor do que outras que ficam por aí se lamentando.
Não existe nada melhor do que podermos ajudar outra pessoa que esteja passando por problemas maiores do que o nosso, além de mudar o foco de nossas vicissitudes, temos uma grande oportunidade de crescer como ser humano e como cidadão.
O importante nessa vida, tão atribulada em todos os aspectos, é que possamos cumprir todas as nossas obrigações com dignidade, amor e principalmente respeito ao próximo sendo solidário no que você puder, pois não estamos aqui por acaso e nós não vamos deixar essa oportunidade de ser um diferencial nessa vida, para sermos um colecionador de lamentações e de fracassos.



Marcelo de Oliveira Souza,iwa

2x Dr. Honoris Causa em Literatura

Do blog: http://marceloescritor2.blogspor.com

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Entendimento do Texto e Revisão.

 

 

 

01.  Desde a nossa concepção, todos nós lutamos para poder existir e coexistir no meio de outras pessoas”  Descreva em cinco linhas uma História de superação que você se orgulha.

1

 

2

 

3

 

4

 

5

 

02.  Por que você acha que o autor diz que estamos com medo de tudo e de todos? Você concorda? Justifique a sua resposta.

 

 

 

 

 

 

03.   Vamos revisar sujeito e predicado? A seguir você irá separar e classificar o sujeito e o predicado das orações:

 

a)” A nossa saúde não vai bem”

 

 

 

b) “não podemos nos desmotivar”

 

 

 

 

c) “...possuem muito mais problemas que a gente...”

 

 

 

 

 

Sucesso!

 

 

 

 *********************************************************




PRIMEIRO ANO


Colégio:

Data de entrega:                                Ano: 1° Ano Técnico                    Turma: A 

Aluno(a):

Professor: 

 

I  Atividade Avaliativa da Ia unidade: Língua Portuguesa:  valor 3,0



Colégio:

Data de entrega:                                Ano: 1° Ano Técnico                    Turma: A 

Aluno(a):

Professor: 



Ano Letivo 2022 


Mais um ano letivo vem chegando, os alunas e alunos vão se empolgando, cada um com o seu motivo, contudo é muito importante começarmos o ano com toda aquela energia positiva, perceber que estamos iniciando mais uma jornada e quem se esforça Deus ajuda. Logo ao iniciar a jornada, muitos se preocupam com o material escolar, o mais bonito, a mochila mais impressionante, o celular da moda e tudo que possa impressionar o colega, mas temos que perceber que o colégio pode ser um meio de conhecer novas pessoas, até de se divertir. Imaginemos o aluno que em seu primeiro dia de aula, aparece sem material escolar, com o celular na mão e até com aparelho de som; cheios de brincadeirinhas, conversinhas, será que encontramos uma pessoa interessada? Quando o professor chega à sala de aula, ele observa isso tudo, percebe facilmente quem está comprometido e quem não está se importando muito com o próprio futuro, pois quem pula etapas ou quem vai para escola somente para passear fingindo estudar, não está prejudicando ninguém, somente a si mesmo; o pior é que tem uns que admitem que não querem nada, mas ficam dois turnos no colégio somente abusando colegas e professores, chegam ao ponto de ficar na porta ou até entrar numa sala de aula, mesmo que não seja a dele somente para provocar e agredir a todos que estudam e ensinam, é um grande problema a ser resolvido. Durante o decorrer do ano constatamos vários desvios de comportamento, “estudantes” que não respeitam os colegas, professores, funcionários e ainda tem incentivo de outros, que o acham engraçado, isso prejudica a todos. O importante na hora do estudo é o compromisso, as pessoas têm que perceber que aprender é bom, ajuda a crescer, mas requer compromisso com a escola, com professores e o mais importante, consigo próprio. Chega mais um ano com força, vamos aproveitar para crescer e traçar o nosso belo futuro, pensar bem alto, não importa que seja de escola pública ou particular, porque para o bom aluno, aquele realmente interessado e com metas, procura as oportunidades e encontra o tempo livre para se desenvolver, toda escola é um lugar de excelso aprendizado, inclusive na morada de cada um, o importante é ter força de vontade para seguir o glorioso caminho do aprendizado, porque isso servirá para a vida inteira, muito mais do que imaginamos. Marcelo de Oliveira Souza,iwa

2x Dr. Honoris Causa em Literatura Do blog http://marceloescritor2.blogspot.com

1. Pesquisar as dez classes gramaticais na internet para depois fazer a análise sintática dos dois primeiros parágrafos. Usem o dicionário como apoio que encontrarás as classes das palavras. Ex: substantivo, adjetivo, adverbio, Pronome...

2. Revisar o assunto: Termos Essenciais da Oração: Sujeito e Predicado, para classificá-los abaixo: Sujeito Simples, composto, indeterminado e oculto. Predicados: Verbal, nominal ou verbo nominal : apoio: pesquisa na internet

a) Mais um ano letivo vem chegando

b) Ele observa tudo

c) Estudantes respeitam os colegas






 

 

II  Atividade Avaliativa da Ia unidade: Língua Portuguesa:  valor 3,0

 

Colégio:

Data de Entrega: 14/06/22                               Ano: 1° Técnico A 

Aluno:

Professor: 

 


 

Qual o CPF?

 

Hoje o CPF, Comprovante de Pessoa Física, ficou  mais importante do que a carteira de identidade, ou RG, também chamado  como registro geral.

Desde quando as crianças nascem já estão de olho no CPF dela, tem bebê que já teve nome relacionado ao SPC, Serviço de Proteção ao Crédito, pois falsários abrem empresas em nome de pessoas que ainda nem nasceram, praticamente.

Agora essas letrinhas são  tudo para o brasileiro, com elas o céu é  o limite!

As pessoas pedem  esse documento para  tudo, até para olhar  preço de remédio, tem atendente que solicita, foi  quando fiz  essa indagação:

- Se não tiver esse famigerado documento não vende?

- Por que então me pede  esse negócio?

Todo lugar é  assim, para cobrar eles são ótimos, inclusive quando a gente fazia compras e passasse de um determinado valor, as mercadorias não passavam se não fosse fornecido o dito cujo.

Mas o jogo mudou, eles pediam toda hora esse “comprovante” mas como o governo daqui é esperto, eles também querem receber mais com o   cadastro, assim eles elaboraram um plano de vincular o CPF à nota fiscal, premiando as pessoas que fornecerem o número dele e obrigando  os atendentes a emitir a nota fiscal dessa forma. Os consumidores que fizerem isso, vão  para a lista de sorteios mensais com grandes valores em  dinheiro como prêmio.

Só que instalou-se  outra batalha, a de pedir a nota fiscal com esse documento vinculado, é uma verdadeira agonia, motivo para muita discussão entre atendente e consumidor, pois eles esquecem de pedir o número do cadastro e não gostam quando a gente pede  depois que registra a compra, tendo que cancelar o produto, para depois fazer  novamente o registro da venda.


Nós não somos obrigados  a lembrar  sempre desse precioso detalhe,   mas eles têm que lembrar sim, é o trabalho deles.


Cada dia é uma agonia para conseguir a  Nota Fiscal com o nosso cadastro e nessa luta entre o rochedo e a maré, quem ganhou  mesmo foi o governo que fica assistindo a nossa luta, ainda vê  o seu potinho de ouro crescer.

 

Marcelo de Oliveira Souza,IwA  /  Do Blog http://marceloescritor2.blogspot.com

 

 

 

 

 

 

 

 

Entendimento do Texto

 

 

01.  Você conhece alguém que já passou por uma situação parecida? Explique em duas linhas.

 

*

 

*

     

02.  “Famigerado” quer dizer que tem muita fama, notável. Porque o CPF ganhou esse adjetivo?

 

 

 

 

 

03.  A partir de uma pesquisa e revisão de Orações Coordenadas, classifique as Orações Abaixo.

 

 

a)      “eles pediam toda hora esse “comprovante” mas  como o governo daqui é esperto...”

 

 

b)      Os Consumidores fizeram isso e não se arrependeram

 

 

 

c)      Instalou-se outra batalha, foi muita correria

 

 

 

d)     Instalou-se outra batalha, por isso teve muita correria

 

 

04.  Retire cinco verbos do texto e classifique  quanto à sua Transitividade: Verbo Transitivo Direto; Verbo Transitivo Indireto; Verbo Intransitivo; Verbo de Ligação; Verbo Transitivo Direto e Indireto

 

 

         Verbo 1:                                      

         Verbo 2:

         Verbo 3:

         Verbo 4:

         Verbo 5:                                                                      Bom trabalho!

 


III Atividade Avaliativa da Ia unidade: Língua Portuguesa:  valor 3,0

 

Colégio:

Data de Entrega: 14/06/22                               Ano: 1° Técnico A 

Aluno:

Professor: 



Afinal, vale realmente lutar nessa vida?


Desde a nossa concepção, todos nós lutamos para poder existir e coexistir no meio de outras pessoas, para quem vive no Brasil então, é um verdadeiro craque, especialista em lutas titânicas, onde a cada dia constatamos a dificuldade crescente do cidadão brasileiro envergando o prato do sofrimento para todos os cantos.
Somos experientes em todas as vertentes de embate, pois vivemos numa nação onde as pessoas a cada dia perdem os seus direitos básicos, restando-nos somente nos mobilizarmos a cada dia para cada obstáculo.
A nossa saúde não vai bem, educação pior ainda, andamos com medo de tudo e de todos, saímos de casa e não sabemos se voltamos...
O embate é diário e muitas vezes nos perguntamos: - vale a pena lutar nessa vida?
A resposta sai naturalmente, pois não estamos aqui por acaso, todos nós viemos com alguma missão e não podemos nos desmotivar com as nossas batalhas diárias, tem pessoas que possuem muito mais problemas que a gente e cumpre com a sua jornada melhor do que outras que ficam por aí se lamentando.
Não existe nada melhor do que podermos ajudar outra pessoa que esteja passando por problemas maiores do que o nosso, além de mudar o foco de nossas vicissitudes, temos uma grande oportunidade de crescer como ser humano e como cidadão.
O importante nessa vida, tão atribulada em todos os aspectos, é que possamos cumprir todas as nossas obrigações com dignidade, amor e principalmente respeito ao próximo sendo solidário no que você puder, pois não estamos aqui por acaso e nós não vamos deixar essa oportunidade de ser um diferencial nessa vida, para sermos um colecionador de lamentações e de fracassos.



Marcelo de Oliveira Souza,iwa

2x Dr. Honoris Causa em Literatura

Do blog: http://marceloescritor2.blogspor.com

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Entendimento do Texto e Revisão.

 

 

 

01.  Desde a nossa concepção, todos nós lutamos para poder existir e coexistir no meio de outras pessoas”  Descreva em cinco linhas uma História de superação que você se orgulha.

1

 

2

 

3

 

4

 

5

 

02.  Por que você acha que o autor diz que estamos com medo de tudo e de todos? Você concorda? Justifique a sua resposta.

 

 

 

 

 

 

03.   Vamos revisar sujeito e predicado? A seguir você irá separar e classificar o sujeito e o predicado das orações:

 

a)” A nossa saúde não vai bem”

 

 

 

b) “não podemos nos desmotivar”

 

 

 

 

c) “...possuem muito mais problemas que a gente...”








**************************************************



OITAVO ANO


I  Atividade Avaliativa da Ia unidade: Língua Portuguesa:  valor 3,0

 

Colégio:

Data de Entrega: 14/06/22                               Ano: 8°  Ano A e B

Aluno:

Professor: 

I Atividade da Ia Unidade valor 3,0




Ano Letivo 2022 


Mais um ano letivo vem chegando, os alunas e alunos vão se empolgando, cada um com o seu motivo, contudo é muito importante começarmos o ano com toda aquela energia positiva, perceber que estamos iniciando mais uma jornada e quem se esforça Deus ajuda. Logo ao iniciar a jornada, muitos se preocupam com o material escolar, o mais bonito, a mochila mais impressionante, o celular da moda e tudo que possa impressionar o colega, mas temos que perceber que o colégio pode ser um meio de conhecer novas pessoas, até de se divertir. Imaginemos o aluno que em seu primeiro dia de aula, aparece sem material escolar, com o celular na mão e até com aparelho de som; cheios de brincadeirinhas, conversinhas, será que encontramos uma pessoa interessada? Quando o professor chega à sala de aula, ele observa isso tudo, percebe facilmente quem está comprometido e quem não está se importando muito com o próprio futuro, pois quem pula etapas ou quem vai para escola somente para passear fingindo estudar, não está prejudicando ninguém, somente a si mesmo; o pior é que tem uns que admitem que não querem nada, mas ficam dois turnos no colégio somente abusando colegas e professores, chegam ao ponto de ficar na porta ou até entrar numa sala de aula, mesmo que não seja a dele somente para provocar e agredir a todos que estudam e ensinam, é um grande problema a ser resolvido. Durante o decorrer do ano constatamos vários desvios de comportamento, “estudantes” que não respeitam os colegas, professores, funcionários e ainda tem incentivo de outros, que o acham engraçado, isso prejudica a todos. O importante na hora do estudo é o compromisso, as pessoas têm que perceber que aprender é bom, ajuda a crescer, mas requer compromisso com a escola, com professores e o mais importante, consigo próprio. Chega mais um ano com força, vamos aproveitar para crescer e traçar o nosso belo futuro, pensar bem alto, não importa que seja de escola pública ou particular, porque para o bom aluno, aquele realmente interessado e com metas, procura as oportunidades e encontra o tempo livre para se desenvolver, toda escola é um lugar de excelso aprendizado, inclusive na morada de cada um, o importante é ter força de vontade para seguir o glorioso caminho do aprendizado, porque isso servirá para a vida inteira, muito mais do que imaginamos. Marcelo de Oliveira Souza,iwa

2x Dr. Honoris Causa em Literatura Do blog http://marceloescritor2.blogspot.com

1. Sabendo-se que o substantivo dá o nome aos seres, pode ser encontrado depois dos artigos: o, a, os, as, um, uma, uns e umas. Retire-os , colocando-os em cada letra abaixo, classificando-os da seguinte forma: simples, composto, comum, próprio, concreto, abstrato, coletivo.

a)

b)

c)

d)

e)

2. Os verbos são palavras que exprimem ação, estado, fenômeno da natureza: usando como apoio o dicionário em caso de dúvida,se necessário, retire-os do texto classificando-os quanto ao que eles exprimem, colocando-os junto as letras abaixo.

a)

b)

c)

d)

e)

Dúvidas: marceloosouzasom@hotmail.









 II Atividade Avaliativa da Ia unidade: Língua Portuguesa:  valor 3,0

 

Colégio:

Data de Entrega: 14/06/22                               Ano: 8°  Ano A e B

Aluno:

Professor: 

II Atividade da Ia Unidade valor 3,0




Colégio Estadual Edvaldo Fernandes

Aluno(a): Turno: Turma:

Prof.: Rosana Souza e Marcelo Souza

Entrega: 13/06

II Avaliação diagnóstica de Língua Portuguesa

Agora, você vai responder as questões de Língua Portuguesa.

Leia o texto abaixo.

Sinceridade de criança

Era uma época de “vacas magras”. Morava só com meu filho, pagando aluguel, ganhava pouco e fui convidada para a festa de aniversário de uma grande amiga. O problema é que não tinha dinheiro messmoooooo.

Fui a uma relojoaria à procura de uma pequena joia, ou bijuteria mesmo, algo assim, e pedi à balconista:

– Queria ver alguma coisa bonita e barata para uma grande amiga!

Ela me mostrou algumas peças realmente caras, que na época eu não podia pagar. Então eu pedi:

– Posso ver o que você tem, assim... alguma coisa mais baratinha?

E a moça me trouxe um pingente folheado a ouro... bonito e barato. Eu gostei e levei. Quando chegamos ao aniversário, (eu e meu filho) fomos cumprimentar minha amiga,

que, ao abrir o presente, disse:

– Nossa, muito obrigada!!!!! Que coisa linda!!!!!

E meu filho, na sua inocência de criança bem pequena, sem saber bem o que significava

a expressão “baratinha” completou:

– E era a mais baratinha que tinha!!!.

Disponível em: <http://recantodasletras.uol.com.br/infantil/610758>. Acesso em: 22 mar. 2010.

01) Nesse texto, a expressão “‘vacas magras’” ( L.1) indica que a narradora

A) comprava objetos baratos.

B) havia perdido muito peso

C) possuía pouco dinheiro.

D) tinha criação de gado.

02) Nesse texto, no termo “‘baratinha’”, as aspas destacam

A) um diálogo.

B) um estrangeirismo.

C) uma citação.

D) uma gíria.

03) O enredo desse texto se desenvolve a partir

A) da chegada ao aniversário.

B) da inocência da criança.

C) do convite para o aniversário.

D) do presente comprado.

Leia os textos abaixo.

Texto 1

Hoje, pela manhã, quando acompanhava a mãe à feira, Clarisse, minha princesinha, ficou horrorizada ao ver alguns garis cortando algumas árvores. Na verdade, tratava-se da poda daquelas que comprometem a segurança dos fios e cabos da rede elétrica.

– Mãe, por que eles estão fazendo isto com elas? – e, gritava: “Nããoooo!”, quando via grandes galhos caindo ao chão.

Minha filha conta que foi uma cena muito engraçada e os garis a olhavam espantados sem entender o que se passava com a menina. Eles não imaginam que ela tem uma eco-avó defensora da natureza e do meio ambiente.

Confesso que fiquei surpresa com a reação dela e percebi que vale a pena dar o exemplo e estimular o cuidado com o ambiente. Já não é a primeira vez que ela me surpreende com questões relacionadas ao cuidado com o meio ambiente. Lembrei-me da observação dela sobre os “porcos” que sujam a praia, referindo-se à sujeira na água e na areia.

Fiquei imaginando como as crianças aprendem os conceitos que passamos. A educação ambiental de crianças é eficaz, pois desde cedo, tornam-se pequenos agentes da natureza e proliferadores da necessidade de preservação do meio ambiente, em casa e na escola. Se realizamos ações que visem a conscientizá-las da importância de cuidar da natureza, a probabilidade de resultados é infinitamente mais eficiente do que se tentarmos educar os adultos.

As crianças precisam crescer percebendo o meio ambiente como parte de si mesmas, de forma que lhes seja muito natural preservá-lo. Afinal, o futuro é delas e, se bem ensinadas, aprendem direitinho a lição.

Disponível em: <http://lilifaz.wordpress.com/>. Acesso em: 19 ago. 2014

Texto 2.

04) Qual é a informação em comum apresentada por esses textos?(mínimo 03 linhas).

05) No Texto 1, no trecho “... Clarisse, minha princesinha,...” (l. 1), o quê indica o uso do termo diminutivo em destaque









 III Atividade Avaliativa da Ia unidade: Língua Portuguesa:  valor 3,0

 

Colégio:

Data de Entrega: 14/06/22                               Ano: 8°  Ano A e B

Aluno:

Professor: 

III Atividade da Ia Unidade valor 4,0

Entendimento do Texto e Revisão



Qual o CPF?

 

 

Hoje o CPF, Comprovante de Pessoa Física, ficou mais importante do que a carteira de identidade, ou RG, também chamado como registro geral.

Desde quando as crianças nascem já estão de olho no CPF dela, tem bebê que já teve nome relacionado ao SPC, Serviço de Proteção ao Crédito, pois falsários abrem empresas em nome de pessoas que ainda nem nasceram, praticamente.

Agora essas letrinhas são tudo para o brasileiro, com elas o céu é o limite!

As pessoas pedem esse documento para tudo, até para olhar preço de remédio, tem atendente que solicita, foi quando fiz essa indagação:

- Se não tiver esse famigerado documento não vende?

- Por que então me pede esse negócio?

Todo lugar é assim, para cobrar eles são ótimos, inclusive quando a gente fazia compras e passasse de um determinado valor, as mercadorias não passavam se não fosse fornecido o dito cujo.

Mas o jogo mudou, eles pediam toda hora esse “comprovante” mas como o governo daqui é esperto, eles também querem receber mais com o   cadastro, assim eles elaboraram um plano de vincular o CPF à nota fiscal, premiando as pessoas que fornecerem o número dele e obrigando os atendentes a emitir a nota fiscal dessa forma. Os consumidores que fizerem isso, vão para a lista de sorteios mensais com grandes valores em  dinheiro como prêmio.


Só que instalou-se  uma outra batalha, a de pedir a nota fiscal com esse documento vinculado, é uma verdadeira agonia, motivo para muita discussão entre atendente e consumidor, pois eles esquecem de pedir o número do cadastro e não gostam quando a gente pede depois que registra a compra, tendo que cancelar o produto, para depois fazer novamente o registro da venda.


Nós não somos obrigados  a lembrar sempre desse precioso detalhe,   mas eles têm que lembrar sim, é o trabalho deles.


Cada dia é uma agonia para conseguir a  Nota Fiscal com o nosso cadastro e nessa luta entre o rochedo e a maré, quem ganhou  mesmo foi o governo que fica assistindo a nossa luta, ainda vê  o seu potinho de ouro crescer.

 

Marcelo de Oliveira Souza,IwA 

2x Dr. Honoris Causa em Literatura

/  Do Blog http://marceloescritor2.blogspot.com

 

 


 

 

01.  Você conhece alguém que já passou por uma situação parecida? Explique em duas linhas.

 

*

 

*

     

02.  “Famigerado” quer dizer que tem muita fama, notável. Porque o CPF ganhou esse adjetivo?

 

 

 

 

 

 

 

03.  Sabendo-se que os advérbios são palavras que dão circunstância ao verbo, vamos fazer o seguinte:

a)      Identificar seis  verbos: classificando se é de Ação, Estado ou fenômeno da natureza.

01.                                                          04.

02.                                                          05.

03.                                                          06.

 

 

 

b)      Perto de cada verbo, vai aparecer o advérbio que você também irá identificar e classificar como: Adverbio de: tempo, lugar, modo, intensidade, afirmação, negação. Você poderá pesquisar, em suas anotações anteriores ou até na internet.

 

01.                                                         04.

02.                                                         05.

03.                                                         06.

 

 

 




 

 




Nenhum comentário:

Postar um comentário