Seguidores

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Enganador!



Enganador

 

Num mudo atrapalhado

Tudo é trocado,

O bandido é valorizado

Quando nada,  libertado

Mesmo com todo um clamor.

 

A educação

Virou lixo e destruição

O copista transforna-se em artista

Um verdadeiro horror!

 

O doente não é mais paciente

Sem dinheiro,  o tratamento

Inexistente...

Seja você quem for!

 

Tudo nunca muda

É somente uma questão de valor

Mas no mundo das letras.

O que mais nos causa dor..

 

É uma criatura dizendo-se inspirada

Que copia     nosso pensamento

Sem nenhum constrangimento

Achando-se escritor.






Marcelo de Oliveira Souza,IWA
Escritor e  Organizador do Conc Lit Poesias sem Fronteiras

Este e-mail foi enviado por um computador sem vírus e protegido pelo Avast.
www.avast.com

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Montanha de Lixo!




A Rua Djalma Dutra,Salvador,  é uma importante ligação para com a região das Sete Portas, além de ter acesso a uma feira muito movimentada ela é um importante canal de escoamento para o trânsito.
Apesar de ser de vital importância para a região, o povo não está respeitando o local, assim como a prefeitura não está dando importância ao lugar, pois os passeios além de serem mal cuidados eles estão sujos, tem um lugar nessa rua que faz uma ligação com a escadaria-ladeira  do TRT que está totalmente intransitável, os passantes têm que desviar-se  da imundície subindo as escadas ou encarando os carros, pois o passeios também é exíguo..

Há muito tempo esse monte de lixo tem chamado atenção das pessoas, imagino que da prefeitura também, mas o resultado final é NADA.

Marcelo de Oliveira Souza,IWA

sábado, 16 de janeiro de 2016

Visitando o Chile








Visitando o Chile


Comumente   o Chile não é muito comentado entre os brasileiros como sendo um bom destino de viagens, aqui se fala mais na Argentina, provavelmente pela aproximação.
Quem vai conhecer Santiago pela primeira vez se surpreende pela qualidade de vida das pessoas da região, principalmente as que têm um maior poder aquisitivo, pois o único empecilho nesse país é o preço dolarizado dos produtos, a parte negativa.
A capital Chilena é cheia de atrativos, um mais interessante que outro,  comecemos pelo Cerro Santa Lúcia, onde tem um castelo maravilhoso no centro da cidade, onde a gente pode fazer praticamente tudo andando, basta ter um pouco de preparo físico e muita disposição.
Logo após poderemos partir para o que a cidade tem de melhor e encanta a todos e todas,  chamado Cerro San Cristóbal, o lugar é paradisíaco, denominado como o pulmão de Santiago, ele realmente ostenta de longe a sua imponência, é onde fica o parque metropolitano de Santiago, tem diversos parques, inclusive o jardim Zoológico, que não é tão grande mas é um ponto importante para conhecermos a fauna e flora local e estrangeira, para quem gosta de animais é um prato chio.
Ali também  destaca-se entre os outros parque o  Parque Bicentenário da Infância, onde tem aparelhos interessantes para a criança brincar, aliás a cidade toda tem muitos parques infantis e grandes jardins que lembra imensos bosques onde as pessoas ficam no gramado dormindo, conversando e principalmente namorando, é um verdadeiro festival de namoro, ficamos imaginando o que na madrugada acontece, pois o lugar não tem bandidos assaltando as pessoas nas ruas como tem aqui no Brasil.
Um lugar interessante para conhecer nesse   país e onde  ele é muito lembrado, pelas cordilheiras dos Andes, as pessoas vão muito no inverno, contudo no verão oferece paisagens lindas e o lugar ainda é muito frio.
Para aplacar essa frieza toda o turista que quiser desembolsar mais um bocado de dinheiro tem a opção de ir para  Maipo, onde tem vulcões e oferece uma opção de banho em águas termais.
Quem vai a esse país geralmente dá uma esticada a Valparaíso e Viña del Mar, são praticamente cidades antagônicas, mas têm uma ligação muito grande, uma antiga e outra bem moderna, todos preferem a mais moderna, onde tem pontos turísticos mais atrativos, mas quem vem de excursão não conhece todas as opções que essa linda cidade oferece, mas é um bom lugar para passear.
O povo do Chile é muito educado e muitos e uma boa parte fala   fluentemente  inglês, eles fazem questão de nos ensinar os lugares, quem vai se surpreende, a gente várias vezes confunde os lugares com a Espanha, pois a similaridade com países da Europa é muito grande.
Quem deseja uma viagem de férias inesquecível e aqui perto é uma excelente dica, basta controlar as finanças porque quem vai pensando em economizar pelo fato da moeda deles ser mais barata, vai tomar um susto.

Marcelo de Oliveira Souza,IWA


domingo, 3 de janeiro de 2016

Serviço de Quitanda na Internacional Marítima

Serviço de Quitanda na Internacional Marítima

 

 

As pessoas aqui na cidade de Salvador adoram a ilha de Itaparica, apesar dela  estar mal tratada,  ela ainda tem muitos encantos principalmente nessa época de verão.

Quando vislumbramos o desejo de passar as festas de final de ano, pensamos  logo nessa ilha, cheia de encantos; outras a utilizam para seguir para o sul do estado diminuindo o seu percurso.

Apesar de tantas vantagens as seguidas más administrações de empresas que operam o Ferry Boat é gritante, não sabemos  como é que elas vencem uma concorrência e continuam prestando serviços tão ruins, mesmo as pessoas reclamando sobre a demora na fila, a falta de respeito ao usuário que fica desorientado ao chegar no Bom Despacho, onde eles têm  que escolher entre uma fila dupla, onde a outra é preferencial para todo o tipo de pessoas e muitos incautos ficam ao lado esperando um vacilo do motorista à direita para invadir a fila,  gerando um monte de confusão, inclusive para as pessoas que querem entrar na Gameleira e outras regiões, pois ninguém que sair da fila para os carros passarem, porque perdem a posição  para os outros da esquerda que querem invadir.

A luta é imensa, temos que preparar a nossa agenda  para  horas  e horas sentados e com o carro ligado para acelerar e não deixar ninguém passar, o que é trabalho de quem se propôs administrar a concessão marítima.

Dentro do Ferry Boat Zumbi dos Palmares, percebemos a falta de estrutura que temos a enfrentar, os banheiros sem papel higiênico e sem água, todos fedendo e no banheiro do cadeirante não  tem nem torneira, apesar de ter um grande vazamento.

A Internacional Marítima não faz jus ao seu nome, oferecendo um serviço pior do que quitanda, porque sabem  que sempre irá ter passageiro, mesmo sofrendo com o sol e a chuva,  eles sempre irão consumir e gastar muito mais que paciência.

 

 

Marcelo de Oliveira Souza,IWA

 

 






Marcelo de Oliveira Souza,IWA
Escritor e  Organizador do Conc Lit Poesias sem Fronteiras





Este e-mail foi enviado por um computador sem vírus e protegido pelo Avast.
www.avast.com